Desde o princípio o diabo se tem empenhado em desvirtuar o caráter de Deus. No Céu ele semeou a dúvida no espírito dos anjos, quanto à justiça e ao amor de Deus. Nesta obra de engano ele teve tanto êxito que a terça parte dos anjos o seguiu, em rebelião contra Deus.

Desde sua expulsão do Céu tem sido seu estudado propósito semear na Terra a ruína e destruição. Procura ele afastar as afeições dos filhos de Deus, falseando o caráter divino. Por meio do engano tem ele confundido mesmo os que professam ser cristãos. Muita gente não sabe que Deus é realmente um Deus de amor. Não compreendem o Seu plano de salvação para o homem caído.

Milhões de pessoas se têm afastado de Deus - julgando-o inclemente e injusto. Assim têm feito por causa de um mal-entendido acerca da punição dos ímpios. O que tem acontecido é que crenças e ensinos pagãos têm tomado o lugar da verdade bíblica. Pelo uso incorreto dos textos, dá-se a impressão de que certas teorias humanas têm apoio na Bíblia.

Conta-se que Roberto Ingersoll, o conhecido ateu, pretendia ser um grande pregador cristão. Infelizmente lhe ensinaram que muitas crianças haviam de arder no fogo do inferno através da eternidade. Refere-se que ele teria dito: "Se Deus é assim, eu O odeio."

Se os que são assim mal-informados tão-somente soubessem o que a Bíblia ensina acerca da punição dos pecadores, veriam a misericórdia, justiça e sabedoria de Deus. Vejamos o que verdadeiramente diz a Bíblia acerca do inferno.

1.Que, diz Deus, será a paga final do pecado?
6:23.

O texto não diz que o pecador viverá para sempre em tormento. Aqui se contrastam a vida e a morte.

2.Que morte diz a Bíblia ser a recompensa final dos ímpios?
20:14.

3.Quando ocorrerá essa "segunda morte?"
20:7, 8, 9 e 20: 14.

4.Até que ponto será destruído o pecador no lago de fogo?
10:28.

5.Quão completo será o efeito do fogo, ao destruir os pecadores impenitentes?
4:1, 2, 3.

6.Que acontecerá com o fogo, depois de haver feito sua obra de destruição?
47:14.

Leia-se também 37:20.

7.Quão completa será a destruição de Satanás, que é simbolizado pelo rei de Tiro?
28:18 e 19.

LEIA toda a parábola que Cristo citou, acerca do semeador e da semente. Nesse relato Cristo esboça a sorte dos ímpios e a recompensa dos justos, em pormenores. encontrareis a parábola em 13:24, 25, 26, 27, 28, 29, 30; 13:37, 38, 39, 40, 41, 42, 43.

8.Segundo indicou Jesus em Sua parábola, quando seria a colheita, ou a separação dos bons e dos maus?
13:39.

9.Segundo a parábola, quando serão destruídos os ímpios, ou seja o joio?
13:40.

10.A quem usará Cristo, no fim do mundo, para separar dos bons os maus?
13:41.

11.Onde viverão os justos, depois da "ceifa?"
13:43.

12.A que terão acesso os remidos, através da eternidade?
22:1 e 2.

13.Como contrasta Deus a sorte dos salvos com a dos perdidos?
1:19 e 20.

14.Qual é o desejo de Deus, para toda a humanidade?
3:9.

De tal maneira amou Deus o mundo que enviou Seu Filho para morrer por nós. Jesus pagou o preço de nossa redenção, mas Deus não nos obriga a aceitar a Cristo como nosso Salvador. Se queremos o perdão e a purificação, podemos recebê-los. Por outro lado, se estamos resolvidos a continuar em pecado, Deus não nos pode salvar.

Deus não é somente misericordioso, é também um Deus de justiça. Se uma pessoa recusa a dádiva gratuita da salvação, ela será destruída. A pessoa que se agarra aos seus pecados não se sentiria feliz no Céu. Na Nova Jerusalém não haverá tavernas. Terão desaparecido para sempre todos os antros de vício e pecado. Unicamente os que houverem aprendido a amar as coisas espirituais e puras, terão desejo de lá estar.

Toda pessoa que QUISER E OUVIR ( 1:19), pode tornar-se cidadão da Nova Jerusalém. A decisão, cabe a vós, individualmente, tomá-la, segundo desejeis passar a eternidade no Céu ou serdes destruído para sempre. Podemos escolher entre obedecer e amar a Deus, e negligenciar e recusar Sua grande salvação. Cristo nos pode dar o desejo de querer e obedecer, se Lhe entregarmos nossa vida. Não querereis hoje mesmo aceitar a Jesus, preparando-vos para vos tornardes cidadão daquela cidade?

( ) Orarei para que Cristo me dê o desejo de querer e obedecer, de modo que me possa tornar cidadão da Nova Jerusalém.